quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Afinal, cerveja e rock se relacionam? Um breve pensamento sobre Falke Bier e AC/DC

Será que cerveja e rock and roll estão relacionados? Quem leva vantagem? Vamos comparar:

Quem gosta de rock pode comprar discos e DVD's. Pode estudar a história de sua banda favorita, pode entender do estilo, saber os nomes que fizeram sua história. Mas a realização de quem gosta de rock and roll só é completa quando você vai ao show 'daquela' banda! Nesse show você entende toda a paixão envolvida no trabalho daquela banda, e se envolve ainda mais com o rock and roll. Você sai do show com vontade fazer uma tatuagem com o nome da banda, com vontade ensinar seus filhos a gostarem da mesma coisa. Você só vai entender isso quando for a um show do AC/DC.

Quem gosta de cerveja pode comprar garrafas e tomar chopes. Pode estudar a história da sua marca favorita, pode entender seu estilo, pode saber o nome do mestre-cervejeiro que fez a sua história. Mas a realização de quem gosta de cerveja só é completa quando você vai até a fábrica 'daquela' cerveja! Nessa cervejaria você entende toda a paixão envolvida no trabalho daquele mestre-cervejeiro, e se envolve ainda mais com a cerveja. Você sai da cervejaria com vontade fazer uma tatuagem com o brasão daquela cerveja, com vontade ensinar seus filhos a gostarem da mesma coisa. Você só vai entender isso quando fizer uma visita à Falke Bier.

Sem dúvida cerveja e rock estão intimamente relacionados. Mas será que um leva vantagem sobre o outro em algum aspecto?
Se aprofundarmos a comparação entre Falke Bier e AC/DC, a verdade nos é revelada: Marco Falcone já foi a um show do AC/DC, mas Angus Young nunca teve o prazer de beber uma Falke Bier...

A cerveja está em vantagem. =)

Pão, cerveja, porco e rock!

Alencar S. Barbosa

Um comentário:

 
.